⌠ 37 avaliações para a publicação abaixo ⌡
Manuella Costa Pires
"Juro que escrevo"
Escrito por Manu Pires

altSó deixar fluir, momentos para refletir
é difícil e em déficit com background musical
Resta-me escrever para o nada
fones e olho na estrada

Objetivos traçados, tarefas concluídas
mas sem amor o dia acada em bebidas

frio e vazio
distante e constante
bate um órgão dentro do peito
a procura de um par perfeito

seleção, confusão, inquietação
e acredito acabar em uma redação

pensamento pessimista e simplista
nesses assuntos talvez meu alterego desista

incertezas no ar e alegrias para recordar
independência ou solidão
pense o que quiser

marcas que vem com a idade
mesmo assim tenho criatividade
tem algum jeito, sempre tem
quando eu descobrir, juro que escrevo
e no final ainda deixo um beijo

http://devaneiosdamanu.blogspot.com/