⌠ 14 avaliações para a publicação abaixo ⌡
Deni Mazur
Um Conto de Rosas...
Escrito por Deni

alt
Fui ali fora pedir que o sol me abraçasse
e acabei por pedir a ele que a chuva chamasse
para poder me embalar, a chuva não veio
estava ocupada dando vida a outro lugar
 
O chão esturricado clamou por água semana passada
lhe dei de beber, a rosa triste, vermelha sorriu
e assim fiz todos os dias, até hoje,
só para ver o sorriso vermelho, da rosa que hoje não se abriu

Pobrezinha, já vinha perdendo cor a algum tempo
e hoje por efeito dos dias, que para ela foram anos
resolveu se retirar, do vermelho da rosa sobrou o azul em minh'alma
então vieram os meses, e me pediram para não azular
 
Me explicaram que na terra toda vida é pura,
e com o tempo há de se renovar 
então veio um vento de sul, que me carregou até o fundo do quintal,
aonde na surpresa do vermelho das rosas, fez-se ir meu azul funeral.