⌠ 27 avaliações para a publicação abaixo ⌡
Dani Ribeiro
A Ruiva
Escrito por Dani Ribeiro

Um sonho de consumo
Dos garotos pubéricos
Mulher menina dos cabelos avermelhados
Com um copo de caipirinha,
Desconversava.

Entre manhãs e noites,
Uma pitada de cultura
Ao sol da meia-noite e o blues
Incendiava-se como seus cabelos de fogo
Palpitante.

Desvirginada aos treze
Prostitui-se aos vinte e poucos anos
Deu para um, dez, oitenta
Adoeceu
E morreu de aids.

Dani R.F.
Imagem de Henri de Toulouse-Lautrec - "A Ruiva", 1896