⌠ 47 avaliações para a publicação abaixo ⌡
Deni Mazur
Um Eu Que Agora é Nosso.
Escrito por Deni

Adeus, até nunca mais,
ficou para trás aquilo tudo que nunca gostei em mim,
aquela angústia, a velha depressão,
os antigos medos...

A poeira de um fantasma
um retrato em sépia de um passado distante,
tudo para trás,
o futuro se desenha à minha frente...

Futuro, como raios de arco-íris,
rabiscado no céu,
contrastando entre as nuvens negras,
um sorriso marcado para baixo...

De cabeça para baixo no balanço eu posso ver,
ver o inverso do arco-íris, um sorriso pra cima,
um riso feito pelo refletir do sol nas gotículas de água,
luz branca, quebrada em todas as cores...

Agora é nosso o futuro, nosso, uma palavra de coletividade,
um indicativo de que há mais alguém,
de que agora não estou sozinho,
meu eu é todo teu...

Adeus, há Deus, há nós, 
há nosso, há você, agora tudo há de existir,
nossos filhos, sonhos, amores,
nosso, deveria ser esse o sinônimo de amor.