⌠ 39 avaliações para a publicação abaixo ⌡
Ramon Bernardo
Amor Mal Formado
Escrito por Ramon Bernardo
 
alt
 

Eu não sou tão dura assim.
Eu já chorei por mim e, é claro, por ele.
Não me culpe, nem a ele.
Se o mundo fizesse sentido. Se eu não fosse chamada de monstro.
Talvez só assim, a dor me deixasse dormir.
O deixasse partir.
O meu corpo já foi feito e refeito por vezes.
Coisas da natureza.
Mas, não posso permiti-lo ser caixão.
Ele pode gerar vida e toda a dor de ver de mim a morte sair.
Anencefalia dos sentidos.
Sou feita para gerar inteiros.
Partes não.
Eu não escolhi isso.
Eu tenho direito de escolher abortar esse amor.
Eu digo sim.
Anencefalia do amor.
Amor que não pode pensar.
Amor que eu não posso conceber